crc@crceram.com.br 55 16 3201 8625
contato@crceram.com.br
555 16 3201 8625

Treinamento

Dilatação térmica e planaridade de revestimentos cerâmicos

O presente treinamento tem por objetivo apresentar os fundamentos teóricos da expansão térmica de materiais cerâmicos e exemplificar aplicações práticas a respeito do assunto na indústria cerâmica. A compreensão dos conceitos envolvidos com a dilatação térmica dos materiais cerâmicos permite a atuação sobre defeitos de fabricação, a correção de curvaturas indesejadas em placas cerâmicas e a interpretação de outros fenômenos que ocorrem durante a fabricação de materiais cerâmicos, tais como o gretamento e o lascamento. Além disso, a dilatometria pode ser utilizada como uma importante ferramenta para o controle de qualidade de insumos (argilas, massas, engobes, esmaltes, etc.).

Patologias e defeitos de fabricação

Os defeitos de fabricação e as patologias que se desenvolvem durante o uso dos revestimentos cerâmicos são responsáveis por perdas de produtividade e prejuízos que ainda podem comprometer a imagem das empresas e dos produtos cerâmicos. Nesta capacitação são apresentados estudos de casos contemplando os principais defeitos e patologias que acometem a fabricação e o uso dos revestimentos cerâmicos.

Discute-se o uso das técnicas de caracterização para identificar a origem dos referidos defeitos, contemplando casos de contaminações que geram defeitos pontuais de superfície; trincas e rupturas de naturezas diversas; problemas associados à decoração, deformações e imprecisões dimensionais; e patologias que se manifestam durante o uso, tais como destacamentos e manchamentos.

Engobes e esmaltes para revestimentos cerâmicos

 Os engobes, esmaltes e decorações correspondem às camadas mais superficiais dos produtos cerâmicos esmaltados e são responsáveis por muitas das principais propriedades que determinam seus desempenhos durante o uso. Esse curso, além de tratar dos fundamentos associados ao estado vítreo, aborda as matérias-primas, tipologias e propriedades dos engobes e principais esmaltes utilizados na indústria de revestimentos cerâmicos. Os principais conceitos do comportamento reológico de suspensões aplicados à esmaltação e decoração também são abordados. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.

Preparação de massas para revestimentos cerâmicos

A capacitação pretende rever os conceitos envolvidos com a moagem e granulação de massas cerâmicas pelos processos via seca e via úmida, apontando as peculiaridades, vantagens e desvantagens das principais tecnologias disponíveis e ainda indicar os defeitos de fabricação que podem ocorrer quando a preparação de massas não é convenientemente realizada. Nos últimos anos, novas tecnologias foram desenvolvidas e as tecnologias existentes foram aperfeiçoadas, viabilizando a geração de massas com granulometrias mais uniformes e adequadas às necessidades das etapas posteriores do processo de fabricação. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.

Matérias-primas e massas de louça sanitária

O curso abordas as particularidades das matérias-primas tipicamente utilizadas para a fabricação de produtos de louça sanitária, bem como as análises indicadas para a avaliação do desempenho de massas de sanitários durante a fabricação. São enfatizados os conceitos envolvidos na caracterização reológica e mecânica das massas cerâmicas antes da queima, bem como os princípios relacionados às operações de secagem, esmaltação e sinterização. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.

Formulação de massas de porcelanato e outras tipologias

Curso relacionado ao desenvolvimento de habilidades associadas à atividade de formulações de massas cerâmicas. O curso é apresentado com exemplos ligados ao desenvolvimento de massas de porcelanatos, mas pode ser aplicado para a outras tipologias de produtos cerâmicos. Além de uma revisão a respeito das características típicas das matérias-primas, o curso indica as formulações geralmente utilizadas para a fabricação de porcelanatos e os critérios utilizados para o desenvolvimento das formulações. Na parte final do curso, são apresentadas as ferramentas mais modernas que podem ser utilizadas para o desenvolvimento de formulações, tais como a programação linear, o planejamento estatístico de experimentos envolvendo misturas e a inteligência artificial. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.

Matérias-primas utilizadas na indústria cerâmica

Curso relacionado às características e controle de qualidade das matérias-primas tipicamente utilizadas na indústria cerâmica. São abordadas as características físico-químicas típicas de argilas, caulins, bentonitas, feldspatos, filitos, nefelinas, quartzos, talcos, carbonatos, dentre outras. Simultaneamente, são apresentados procedimentos de caracterização indicados para o controle de lavra e de lotes formados para o fornecimento e/ou recebimento desses minerais. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.

Fundamentos da fabricação de revestimentos cerâmicos e porcelanatos

Curso que aborda os princípios fundamentais envolvidos na fabricação de revestimentos cerâmicos, envolvendo conceitos a respeito do produto final, matérias-primas e processo de fabricação. O conteúdo aborda as matérias-primas plásticas e não-plásticas, fundamentos de reologia envolvidos na preparação de massas, processo de conformação, secagem, esmaltação, sinterização e operações de fim de linha. Pode ser ministrado in company ou no CRC incluindo também atividades práticas de laboratório.









Viskoo 2020. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por VISKOO